Em Goiás, frota de veículos aumenta mais de 16% em 2018

A frota de veículos em Goiás aumentou 16,04% em 2018. O levantamento compreende as vendas das categorias Auto (carros de passeio), Comercial Leve (pick-up e caminhonete), Caminhão, Ônibus, Moto, Implemento Rodoviário (carreta, basculante, canavieiro, etc) e Outros (carretinhas) realizadas em território goiano de janeiro a dezembro do último ano.

Segundo dados do Sindicato dos Concessionários e Distribuidores de Veículos de Goiás (Sincodive), em 2018 foram vendidos e emplacados 121.548 veículos em Goiás, 16.798 automóveis a mais que em 2017, quando foram comercializados 104.750 unidades. O quantitativo representa um aumento de 16,04% no mercado varejista em território goiano.

A quantidade de vendas constatada no levantamento do sindicato é a maior no período de três anos. Em quase todas as categorias houve acréscimo, com exceção da categoria que compreende as vendas de carretinhas, que registrou um decréscimo de -5,11% em relação a 2017.

Levantamento

De acordo com a Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores (Fenabrave), só no município de Goiânia foram comercializados 44.874 veículos, enquanto em 2017 foram 38.025. Essa quantidade resultou em um aumento de 18,01% na frota automóvel da capital.

No ano de 2017, o município contava com 1,18 milhão de veículos. Já no último ano, conforme levantamento do Departamento Estadual de Trânsito de Goiás (Detran), a frota goianiense subiu para 1,21 milhão.

Conforme estimativas do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), a população de Goiânia no ano de 2018 foi de 1.495.705 habitantes, o que significa que existe quase um veículo por goianiense. O aumento no mercado varejista de veículos ocorreu também a nível nacional. Durante o último ano foram realizas 3.653.488 vendas de automóveis no Brasil, enquanto em 2017 foram 3.216.730. Esse levantamento mostra um acréscimo médio de 13,58% de veículos na frota brasileira. Os índices mostram que, mesmo em período de recessão na economia nacional, os consumidores compraram mais veículos que no ano anterior. Os dados são da Fenabrave.

Fonte:  É Mais Goiás

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *