Caiado rompe com Bolsonaro

Médico por formação, o governador de Goiás, Ronaldo Caiado, rebateu, nesta quarta-feira (25/3), o presidente da República, Jair Bolsonaro, que voltou a miniminar a pandemia do novo coronavírus durante pronunciamento em rede nacional, exibido na noite de terça-feira (24/3). “Na política e na vida, a ignorância não é uma virtude”, disse Caiado. A frase foi dita inicialmente por Barack Obama, ex-presidente dos Estados Unidos, e repetida hoje por Caiado durante comentário citando o presidente Bolsonaro.

Caiado também garantiu, em entrevista coletiva, que as recomendações do presidente para que as pessoas ignorem os decretos estaduais e voltem a sair às ruas, não valerá em Goiás. “É com muita tranquilidade, mas com a autoridade de governador que me compete e amparado ao juramento que fiz como médico, que reafirmo: o decreto assinado por mim, que determina o isolamento social de todas as pessoas, com exceção das que exercem funções essenciais à vida, vai prevalecer”, disse, deixando claro seu rompimento com Bolsonaro.
“Buscar a tese de que teremos um colapso econômico de grandes proporções, é querer colocar na balança o que é mais importante: a vida humana ou a sobrevivência da economia. E isso não tem discussão. Tenham certeza: garantir a saúde, a segurança alimentar e física de cada um dos 7,2 milhões de goianos é de minha responsabilidade”, completou o governador de Goiás.   ( Fonte: A Redação )

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *